sexta-feira

Amigo invisível


Tem dias que a gente escreve tão leve, tão docemente, que parece haver uma mão guiando a nossa, seja verso ou seja prosa. Hoje eu me senti assim, hoje eu senti ela menina, criança sapeca, que em vez de guiar na escrita, retirava minha mão do texto incerto, como quem dissesse, esta não, escreve aquela.


Joakim Antonio



Imagem Original: Imaginary friend by Romattack

3 comentários:

Flor de Lótus disse...

Que lindo!Tão bom quando isso acontece,quando a inspiração toma conta do nosso ser e nos faz escrever coisas tão belas que depois nem acreditamos que fomos nos mesmos que escrevemos.
Beijos

distractingpages disse...

E não podia dar outra coisa: Lindamente escrito!

Beijo enorme.

RITA PACHECO disse...

Verdade mesmo, tem dias que parece que as palavras nos chegam com tanta facilidade!
Abs
RITA

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...